terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Semana 17 - Sentir o bebê mexer

17 semanas de gravidez

Seu bebê
Ele cresce rápido e se movimenta mais. Tem apenas 12 cm, mas seus bracinhos e suas pernas já estão suficientemente longos para se mexer com agilidade. Isso não é motivo para preocupação. O cinto de segurança do bebê está firme. O cordão umbilical, que o mantém ligado à placenta, ficou mais resistente e fino. O corpo do seu pequeno ganha, agora, mais tecido adiposo, células gordurosas que vão ajudar a manter a temperatura dele equilibrada. A pele parece menos transparente. No entanto, os vasos sanguíneos ainda são visíveis.
Sua gravidez
Uma semana emocionante! Muitas mães relatam que começaram a sentir o bebê a se mexer justamente na 17ª semana. A sensação é como se "bolhas de gás" delicadamente estourassem dentro da barriga. Os toques e os movimentos da criança são bem delicados, mas estimulantes o suficiente para que você coloque as mãos na barriga, mesmo inconscientemente. Logo os chutes se tornarão inconfundíveis. Para que ele continue com essa energia toda, não deixe de manter hábitos saudáveis: tente dormir bem e continue a incluir vários nutrientes em seu cardápio diário. Evite cigarro e álcool e controle o consumo de café.
O segundo trimestre também é ideal para cuidar dos dentes e ir ao dentista para saber como se prevenir de qualquer problema dentário. Então, arranje um tempinho na sua agenda. E a ginástica? Em que pé está? Nenhum? A gravidez pode servir como um bom incentivo para cuidar mais do corpo e fazer atividades físicas. Se isso aconteceu com você, invista nelas, mas não sem antes se informar sobre as modalidades mais recomendadas para as gestantes. Hidroginástica, Ioga e Pilates estão na lista.

Coma bem para manter o peso na gravidez

É possível ganhar só o necessário, sem passar fome, comendo com prazer e garantindo saúde para você e seu bebê. Veja abaixo um cardápio exclusivo para um mês
Comer por dois é um ditado que deve ser abolido da sua cabeça ao engravidar. É importante comer, sim, mas os alimentos certos, equilibrando proteínas (carnes, queijo, leite, ovos ou soja), carboidratos (massas, pães e cereais integrais), gorduras (azeite e óleos) e fibras (frutas, legumes e verduras). Fora isso, fracionar as refeições é fundamental. "A grávida costuma ficar com o sistema digestivo mais lento. Por isso, deve se alimentar de seis a oito vezes por dia, em doses pequenas", diz o nutrólogo Durval Ribas, presidente da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran).
Quantos quilos você pode ganhar?Isso vai depender do seu peso anterior à gestação. "Utilize a tabela do índice de massa corporal (IMC) antes de engravidar ou logo que souber da gravidez", aconselha o obstetra Fábio Biaggioni Lopes, da maternidade Pró-Matre Paulista, de São Paulo.
CÁLCULO DO IMC
Para calcular o IMC, basta dividir o peso pela altura ao quadrado.
Se o resultado for menor que 19,8, você está abaixo do peso.
Entre 19,9 e 26, o peso é normal.
De 26,1 a 29, existe sobrepeso.
Acima de 29 já se fala em obesidade.

TO TENTANDO MANTER A LINHA.......kkkkkk

Nenhum comentário: